Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


domingo, 11 de junho de 2017

A mais brilhante definição sobre Lula.


“O Lula é a desconstrução, ele é o anti-exemplo total : ‘Eu que subi aqui, sem aprender coisa nenhuma’... O Lula não é um ‘self-made man’, homem feito por si mesmo, ele foi inteiramente feito pelos outros: feito pelo partido, feito pelos bancos, feito pela mídia. 

Ele não tem mérito nenhum nesta coisa. Ele não é propriamente um líder, ele é um símbolo construído pelos outros. Tanto que para derrubá-lo foi a coisa mais fácil. O homem era um ídolo nacional e, do dia para a noite, ele virou um lixo, todo mundo quer vê-lo na cadeia. Uma reputação sólida não cai assim tão fácil.”

Um comentário:

  1. Mais ou menos isso. De líder não tem nada. De bandido tem tudo.

    ResponderExcluir